Seguidores

13 de dez de 2011

Casaco azul

Material:
11 novelos de lã de 4 fios
ag nº 3 1/2
6 botões
Manequim 44

Pontos empregados:
Barra torcida: *1t,1m*,sendo que os pontos em meia são tricotados por trás, tanto no direito como no avesso
Ponto fantasia: em um número de pontos divisível por 6 mais 2 pontos
1ªcarr.: 2m,*2pjm,laç,1m,laç,ms( 1p sem fazer em m,1m,passar o p sem fazer sobre o tricotado),1m* Rep de * a*
2ªcarr.:e todas as carr pares: em t
3ªcarr.:1m,2pjm,laç,*3m,laç,1p sem fazer em m,2pjm,passar o p sem fazer sobre o mate,laç*.Rep de * a* e terminar com 3m,laç,ms
5ªcarr.:em meia
7ªcarr.:2m, laç,*ms,1m,2pjm,laç,1m,laç*.Rep de * a*, sem fazer a laç no fim da carr.
9ªcarr.:3m,*laç,1 p sem fazer em meia,2pjm,passar o ponto sem fazer sobre o mate,laç3m*.Rep de *a* e terminar com 2m ao invés de 3m.Voltar à 1ªcarr.

Amostra - um quadrado de 5cm x 5cm equivale a 16 carr de 12 pontos



Costas: 
Montar 122 p nas ag 3 1/2 e tric 8cm em barra torcida.
Nesta altura, iniciar o desenho da seguinte maneira:23p em barra torcida, 5p fantasia(2pjm,laç,1m,laç,ms), 31p em barra torcida, 5p fantasia,31p em barra torcida,5p fantasia e a seguir 22p em barra torcida.
Fechar o desenho, avançando com o ponto fantasia de cada lado, cada 2 carr, 2p até terminarem os pontos da barra torcida.
Continuar em ponto fantasia.
A 34 cm do começo, rematar de cada lado para as cavas, cada 2 carr:5p, 3p,2p e 1p(2x).A 53 cm do começo, rematar de cada lado para os ombros, cada 2 carr 7p (4x) e os pontos restantes de uma só vez.

Frente direita
Montar 62 p e fazer como nas costas.
Para o desenho,proceder da seguinte maneira:20 p de barra torcida, 5p fantasia, 31 p em barra torcida, 5p de fantasia e mais 1p.
A 34 cm do começo, rematar à esq para a cava, cada 2 carr, 5p,3p,2p e 1p(2x).
A 48 cm do começo, rematar à direita para o decote, cada 2 carr, 8p,4p,3p(2x) e 1p(4x).A 53 cm do começo, rematar à esquerda para o ombro, cada 2 carr, 7p(4x).

Frente esquerda:
Fazer igual à frente direita, invertendo o lado dos mates e começando o desenho do seg modo: 1p, 5p fantasia, 31p em barra torcida, 5p fantasia e 20 p em barra torcida.

Manga:
Montar 56p e tricotar 5cm em barra torcida.
Tricotar o desenho da seguinte maneira:8p em barra torcida, 5p fantasia, 31p em barra torcida, 5p fantasia e 7p em barra torcida.
Aumentar de cada lado, cada 2 1/2 cm, 1p (12x).A 41 cm do começo, rematar para as cavas, cada 2 carr, 3p,2p,1p(6x), 2p(8x), 3p e rematar os p restantes.

Gola - Montar 110 p e rric 3cm em barra torcida e continuar em meia durante 10 cm.
Levantar 23p do lado direito da gola, passar os p para esta ag e levantar mais 23p no outro lado.
Tricotar 2 1/2 cm de barra torcida e terminar em barra dupla.
Costurar.
Levantar na frente direita 115 p e tricotar 5 carr em barra torcida e na carr seg tricotar do seguinte modo, para fazer as casas: 4p, rematar 5p,15p,rematar 5p,15p, rematar 5p, 15p,rematar 5p, 15p,rematar 5p, 15p,rematar 5p, e 6p.
Na carr seg recolocar os p rematados e tric mais 5cm em barra torcida e term em barra dupla.
Fazer o outro lado igual, sem as casas.Colocar a gola, pregar os botões e aplicações, se desejar.
13/12/11

11 de dez de 2011

Casaquinho Bettsy

150 g de lã
ag de crochê nº 4
4 botões
 Manequim 42

Pontos empregados: p baixo(pb), ponto caranguejo e ponto fantasia

Ponto fantasia:
Começar com 1 corr de base.
1ªcarr.: em pb
2ªcarr.:1pa(ponto alto)*pular 2p de base e no p seg fazer 1pa, 2 corr e 1pa no mesmo p* .Rep de * a * e term a carr com 1 grupo de 1pa, 2 corr 1pa no mesmo p, pular 2p de base e trab 1pa no últ p de base.
3ªcarr.:1pb no pa,*1 corr.Enfia-se a ag debaixo das 2 corr que separam os 2pa da carr ant e fazem-se 2pb*.Rep de * a *, term com 1pb no últ pa, 2 corr para virar.
4ªcarr.:trab os grupos de 2pa separados por 2 corr, introduzindo a ag sempre por baixo da corr da carr ant.
5ªcarr.:recomeçar da 3ªcarr, fazendo 2pb debaixo das 2 corr que separam os pa da carr ant.
Ponto caranguejo: fazer 1 carr de pb e sem virar a peça, trab outra carr, da esq para a dir, nos p da carr ant.

Execução:
Costas:
Fazer uma corr de 44cm e trab em p fantasia.
Ao atingir 29 cm, iniciar os mates para as cavas, comparando sempre com o esquema.
Dim nas 2 extremidades, resp, 3p2p, 1p(2x).
Elimina-se assim 1 grupo e meio de cada lado do ponto fantasia.
A 18 cm da cava iniciam-se os ombros.
Diminuir nas 2 extremidades um grupo e meio do ponto fantasia (4x) sempre comparando com o esquema.
esquema do casaquinho amarelo
Metade da frente:
 fazer uma corr de 23 cm e trab em p fantasia.
Ao atingir 20 cm de altura, iniciar as dim para o decote cada 3 carr 1p (10x).
A 24 cm ou seja na altura da pence, deixa-se de fazer no final de cada carr, no direito, em direção ao lado, 3x, dois grupos do ponto fantasia.
Continua-se novamente com todos os pontos, inclusive os deixados sem fazer.
Na altura total de 29 cm, medidos nas laterais, para a cava, dim no final de cada carr 2p (3x) 1p (5x) eliminando assim 3 grupos e meio do ponto fantasia.
A 18 cm do início da cava, faz-se o ombro como nas costas.
Fazer a outra metade de modo contrário.

Manga:
Fazer uma corr de 22 cm e trab em p fantasia aum nas duas extremidades, cada 2 carr 1p (8x).A 26 cm de altura, dim em ambas as extremidades 3p e 2p (9x).
Fazer a outra manga igual.

Vistas da gola:
 fazer 6 corr e trab em ponto fantasia.
No fim de cada carr aum na extremidade direita 1p ((x).
A 22 cm do início, rem os p.
Fazer a outra vista ao contrário.

Acabamento e gola:
costurar os lados e os ombros.
Fazer 6 carr em pb na volta toda .
Na 4ª carr de pb ,fazer 4 casas na frente direita, a 1ª no início do decote e as outras a 5cm de distância entre si.
Para a gola, trab diretamente no decote das costas e atingidos os 10 cm que se encontram nos dois lados da frente ( comprimento total da gola =36cm) trab em p fantasia por 7 carr aum nas extremidades cada 2 carr 1p (2x).
Arrematar a gola com 2 carr de pb.
Fazer 2 carr de pb na parte alta e no lado direito de cada vista.
Partindo da extremidade direita da gola, fazer  1carr de ponto caranguejo na frente direita do casaquinho embaixo e na frente esq até a outra extremidade.
Prender as vistas pelo avesso nas frentes esq e dir em pb.
Pregar os botões.
Nas mangas, na parte de baixo, fazer 4 carr de pb e uma de p caranguejo.

11/12/11

Xale azul em crochê

Tamanho: 60cm de largura x 160 cm de comprimento
8 novelos de lã de 4 fios azul
ag de crochê proporcional ao fio

Fazer uma corr com um número divisível por 17 mais 1p para virar.
Comece com 157p.
Depois de saltar o primeiro p trab *7pb(ponto baixo), depois no mesmo p seg 3pb, novamente 7pb e salte 2p de base*.Rep  de * a * até o fim da carr, terminando-a com 7pb, saltando 1p e 1pb no último p.Agora, mais 3 corr para virar e comece a 2ª carr, saltando 1p e o 1º p b seg.Faça 7pa, depois, no mesmo p seg 3pa, 7pa e salte 2p*Rep de * a * e termine a carr com com 7pa,saltando 1p de base e fazendo 1pa triplo(2laç e fecha em 2 vezes) no último p.
A 3ª carr começa com 2 corr para virar.Salte 1pa duplo e o 1º pa.Depois cont com *7pb, em seg 3pb no mesmo p seg, 7pb e salte os 2p seg*.Rep de * a * e por fim termine a carr com 7pb, saltando 1p e fazendo 1 p b no último p.Depois de fazer 5 corr para virar, salte o 1º p eos 3pb seg.Faça *1p altíssimo(2laç e fechado em 3 vezes), 1 corr,salte 1p1p altíssimo, 1 corr e salte 1p.Nos 3 p seg,faça 1p altíssimo em cada um, com 1 corr entre cada um deles, depois faça 1 corr, salte 1p de base, 1p altíssimo e por fim salte 6p de base*Rep de * a * e term a carr com 1p a duplo no último p.
A última carr (6ª) deverá começar com 2 corr para virar.Salte o 1º espaço e * entre os espaços seg faça 2pb, no espaço seg mais 3pb e ainda 3pb no espaço que segue
.Nos 2 espaços que vem a seguir, faça 2pb em cada um.Salte o espaço maior*.Rep de * a * e term a carr com 1pb no últ p.Recomece a partir da 2ªcarr.
Deppois de ter feito 160cm no ponto descrito, trab 2 carr de pb, para terminar.Também uma carr de pb deverá formar o acabamento das partes laterais e da carr inicial.
Agora faça uma série de franjas da seg maneira (clássica): corte vários pedaços de 10cm de comprimento e com uma ag de crochê introduza na beirada do xale,  fazendo um nó, a cada 4p nos dois lados mais estreitos do xale.Estique-o e deixe-o ficar uma noite inteira sobre um pano úmido.

Xale branco

6 nov de lã branca e macia, sendo 4 para o xale e 2 para as franjas
ag nº 4
ag de crochê proporcional
Pontos empregados: tricô e ponto desfiado
Ponto desfiado: para a amostra coloque o número de pontos desejado e trab 1t,3 laç,1t e assim por diante, sendo que na carr seg se tricotam os p antes feitos  em t novamente em t, mas agora deixando cair as laç, que formarão o desfiado.

Execução:
Colocar 130 p nas ag nº 4 e fazer 4 cordões em t e depois uma carr de desfiado.Continue assim até atingir a medida que mais lhe convier, por volta de 1 metro e meio.
A largura será de aproximadamente 60 cm,Depois de atingido o tamanho escolhido por você, arremate e vamos fazer as franjas:
corte um pedaço de papelão de 6cm de largura e nele enrole por 1o vezes o fio de lã.Corte ambos os lados e retire o papelão.Faça alguns destes flocos e comece a prendê-los assim:3 corr, com a 4ª prenda um dos flocos, 8 corr, prenda outro floco.Continue até terminar o número de flocos desejado para cada altura e faça os outros do mesmo modo.Depois una todas as franjas na beirada com correntinhas.

Casaquinho Rosa

200 g de lã na cor rosa ou de sua preferência
ag nº 3
Manequim 44

Pontos empregados: barra torcida, meia, ponto fantasia com bolas
Barra torcida: *1m torcida(tricotada por trás), 1t*
Ponto fantasia com bolas:
1ªcarr.: (avesso):7t,2m,tric 3 vezes o p seg(1m,1t,1m,sempre no mesmo p)2m, 7t
2ªcarr.: 7m,7t,7m
3ªcarr.: 6t,2m,tric 3 vezes o p seg, 3pjt,tric 3 vezes o p seg,2m,6t
4ªcarr.:6m,11t,6m
5ªcarr.: 5t,2m,tric 3 vezes o p seg,3pjt,tric 3 vezes o p seg,3pjt,tric 3 vezes o p seg,2m,5t
6ªcarr.: 5m,15t,5m
7ªcarr.: 4t,2m,tric 3 vezes o p seg3pjt,tric 3 vezes o p seg,3pjt,tric 3 vezes o p seg, 3pjt,tric 3 vezes o p seg,2m,4t
8ªcarr.: 4m,19t.4m
9ªcarr.: 4t,2m,3pjt,tric 3 vezes o p seg,3pjt,tric 3 vezes o p seg,3pjt,tric 3 vezes o p seg,3pjt,2m,4t
10ªcarr.: 5m, 15t,5m
11ªcarr.: 5t,2m,3pjt,tric 3 vezes o p seg3pjt,tric 3 vezes o p seg,3pjt,2m,5t
12ªcarr.: 6m,11t,6m
13ªcarr.: 6t,2m,3pjt,tric 3 vezes o p seg,3pjt,2m,6t
14ªcarr.: 7m,7t,7m
15ªcarr.; 7t,2m,3pjt,2m,7t
16ªcarr.: 7m,5t,7m
Voltar à 1ª carr.
Os grupos de bolas que adornam a parte da frente do casaco são em número de 9 e estão dispostas umas sobre as outras.

Execução:
blusa rosa
Costas:
Montar 114 p e trab 7cm em ponto de barra torcida.
Continuar em meia rem de cada lado cada 2p: 1p(4x) no começo e fim de cada carr (os p estão assinalados no esq abaixo:
esquema da blusinha rosa

Continuar em meia durante 28 cm e rem de cada lado para as cavas, no direito do trab o seg número de p: 3-3-2-1.
A 18 cm da cava rematar de cada lado para os ombros 8-7-6-5p.Rem os 36p restantes de uma só vez.
Metade da frente:
Montar 57p e trab 7cm em barra torcida, depois começar o p meia, diminuindo 2p de cada lado na 1ª carr.
No avesso começar o p fantasia com bolas, ocupando os primeiros 19 p, term a carr em t.
Depois de ter feito o 4º grupo de pontos fantasia, no direito do trabalho, a 3p do início do ponto fantasia do lado da cava, começar a rematar o decote tric 2pj a cada 4 carr, no dir do trab.
Os pontinhos do esquema indicam as diminuições.
Ao mesmo tempo, a 28 cm da barrinha, fazer a cava dim no direito do trab, respectivamente, 4-3-2-1-1-p.A 18cm da cava, como nas costas, rem o ombro 8-7-6-5-p.
Fazer a outra frente em sentido contrário.
Manga:
Montar 71 p e trab 4cm em barra torcida.
Cont em meia, aumentando de cada lado 1p (3x) no direito do trab entre o 2º e o 3º p da direita e entre o 2º e o 3º p da esquerda.Ficarão 77p.Começar a cava, rem de cada lado, respectivamente, no dir do trab, 4-3-2-2-1.
Obtidos os 53 p, cont dim 1p em cada começo e fim de carr até ficarem 31p.
Rem 3 vezes 2p de cada lado e obtidos 19p rematar de uma só vez.
Fazer a outra manga igual.

Alinhavar as partes de frente juntas e as mangas.
Passar a ferro com um pano úmido para não deformar.
Costurar tudo e levantar os p em volta da frente direita, esquerda e decote.
Trab em barra torcida durante 12 carr, fazendo, do lado direito, 6 casas com intervalos regulares.
Cobrir 6 botões feitos em crochê e pregá-los do lado esquerdo.

11/12/11

Xale nuvem

O encanto deste xale é o ponto em relevo, macio e rendado, em crochê.
Pontos empregados:
p bx
ponto balãozinho: este p é formado por 8p altos triplos rematados depois em um único p.
Para fazer o ponto alto triplo, fazer 3laç, introduzir a ag no ponto de base, laç, puxar o p e rem os 5p da ag 2 a 2, com uma laç de cada vez, em 4 vezes.
Para formar o balãozinho, rematar o ponto alto triplo, 2 a 2, somente 3 vezes.Fazendo 8 pontos altos triplos rematados até a metade, obtém-se na ag 9p que serão rematados de uma vez com uma laç.

Ponto balãozinho - Fazer sobre uma corr de base.

1ª carr.: em p baixo
2ª carr.:direito do trabalho - 10 corr,*pular 1p de base e no sg fazer 1 px,5 corr, pular 1p de base e no seg fazer 8p altos triplos rematados até a metade e depois rematados de uma só vez (balãozinho), 5 corr*
Rep de * a *.
Terminar a carr com 5 corr, pular 1p de base, fazendo no p seguinte 1 pbx.
3ªcarr.: 5 corr,*introduzir a ag para fazer 1 pbx no ponto de reunião dos 8 p altos triplos da carr ant,5corr* Rep de * a *
Somente depois desta 1ªcarr, terminar com 5 corr, que serão enganchadas com 1 p baixo (p bx)  na 5ª corr das 10 da carr anterior.
4ªcarr.: 5 corr,*introduzir a ag no 3º p dos 5 que formam a barra horizontal, fazer os 8 p altos triplos rematados em 1 só (balãozinho), 5 corr, 1 p baixo introduzindo a ag no p baixo da carr anterior, 5 corr*
Rep sempre as explicações entre * a * terminando  com 5 corr, 1 p baixo no p baixo final da carr anterior.
5ªcarr.: voltar à 3ª carr

Execução:
Fazer o xale de modo a obter 10 balõezinhos.
Trabalhar durante 150 cm mais ou menos e terminar as pontas com uma franja ou com uma carr de balõezinhos sem a carr de p baixo.

11/12/2011

Vestidinho Leonilde

A originalidade deste vestido está na diferença entre a parte de baixo trabalhada num sentido e a pala feita em sentido inverso.
4 novelos de lã de 4 fios para bebê
jogo de ag nº 3, 4 e 5
2 botões

O trabalho é feito com fio duplo
Pontos empregados:
barra dupla
barra simples
ponto fantasia
Barra dupla - 2m, 2t
Barra simples - 1m, 1t
Ponto fantasia:
fazer um número de pontos múltiplo de 12, mais 1p para a beirada, no fim da carr
1ª carr;: *1m, laç,ms(1p sem fazer, 1m, passar o ponto sem fazer sobre o ponto tricotado), 7m,2pjm,laç*
Rep de * a * e terminar com 1p(beirada)
2ª carr e pares em t
3ªcarr.: *2m, laç,ms,5m,2pjm,laç,1m*
Rep de * a * e terminar com 1p (beirada)
5ª carr.: *1m,laç,2pjm,laç,ms,3m,2pjm,laç,2pjm,laç*
Rep de * a * terminando com 1p (beirada)
7ª carr.: *2m,laç,2pjm,laç,ms,1m,2pjm,laç,2pjm,laç,1m*
Rep de * a * terminando com 1p (beirada)
9ª carr.: *1m,laç,2pjm,laç,2pjm,laç,md(1p sem fazer em m, 2pjm,passar o p sem fazer sobre o mate), laç,2pjm,laç,2pjm,laç*
Rep d * a * e terminar com 1p (beirada)
11ª carr.: voltar à 1ª carr.

Parte inferior do vestido:
Começar o trabalho pelo lado, montando 37 p com as ag nº5 e fio duplo e trab em ponto fantasia.
À esq, no começo das carr do avesso do trabalho aum 1p 7 vezes, obtendo assim um total de 44p(formando 3 motivos completos mais meio motivo e 2p de beirada).
Trab estes pontos durante 48 cm desde o começo e à esq diminuir 7 vezes 1p no começo das carr do avesso e novamente no avesso aumentar 1p 7 vezes.Continuar o trab durante 46 cm e nesta altura diminuir no início das carr do avesso 1p 7 vezes e rematar os 37p restantes de 1 só vez.
Manga:
Montar 12p e trab em p fantasia aum à esq 1p, cada 2 carr 7 vezes durante 24 cm, depois diminuindo à esq 1p cada 2 carr 7 vezes e rematar,
Fazer a outra manga igual.
Levantar 36p na borda da manga e trab em barra dupla por 2cm e rematar.
Fazer a outra beirada igual.

Esquema do vestidinho branco
Costurar o lado do vestidinho,as mangas e fazer a pala do seg modo: com o jogo de 4 ag nº4 lev os p da seg maneira:24p (metade das costas)2pj,22p(manga),2pj,52p(frente),2pj,22p(manga),2pj e 24p(outra metade das costas),Assim haverá uma abertura no meio das costas.
Trab em p de barra dupla durante 10 carr passar para as ag nº3 e fazer mais 8 carr, reduzindo os p pela metade,fazer 6 carr,1carr em t, 1carr em m e rematar.
Pregar os botões.
11/12/2011

Vestidinho Zuleika

Foto dos vestidinhos azul e branco(receita do branco posterior)
Vestidinho para menina de 1 ano  a 2 anos, que pode ser usado simples no verão ou com uma blusinha por baixo no inverno

3 novelos de lã de 4 fios  para bebê na cor azul ou de sua preferência
ag nºs. 2 1/2 e 3 1/2
2 botões

Pontos empregados:
meia, ponto de barra e fantasia
meia - 1 carr em meia , 1 carr em tricô
Ponto de barra: 1 meia, 1 tricô
Ponto fantasia:
1ªcarr.: *1t, 2pjt,laç em meia,1m,laç em t,2pjt* - Repetir de * a * até o fim da carreira
2ª e 4ª carr.: em t
3ªcarr.: em m
5ªcarr.: voltar à 1ª carr

Frente:
Montar 144 p nas ag nº 3 1/2 e trab em ponto fantasia durante 28 motivos(27 cm).
Começar as cavas, rematando de cada lado, cada 2 carr: 4p, 3p e 1p (3 vezes).
Terminadas as diminuições, obtem-se 124 p na ag, fazer em seguida 1 carr em meia.
Fazer 1 carr em t, trabalhando os pontos 2 a 2, reduzindo assim os pontos para 62.
Acrescentam-se dos dois lados destes pontos( no início e no fim ) 18 pontos (de cada lado).
Obtem-se um total de 98 p que serão trabalhados durante 10 carr em ponto de barra(1m,1t).
Inicia-se o trab em ponto meia por 8 carr, sendo que na 1ª carr reduz-se os pontos para 83 (15 diminuiçõea, 1 a cada 5p, mais ou menos).
Continuar em ponto de barra durante 8 carr, reduzindo os pontos para 73 na primeira carr ( 10 diminuições, uma  a cada 8p, mais ou menos).
Passar para as ag nº 2 1/2 e fazer 8 carr em m, reduzindo para 63p na primeira carr ( 10 diminuições, uma a cada 8p, mais ou menos).Fazer então as últimas 8 carr em ponto de barra, sem diminuir.
Rematar os p.
Costas - fazer igual à frente
Costurar os lados e fechar os ombros, deixando uma parte aberta do lado do decote, e prender os 2 botões, fazendo do outro lado as alcinhas.
11/12/2011

4 de dez de 2011

Cabides originais

Material: linha para crochê nº 5 de várias cores
ag de crochê nº 3
cabides de madeira
algodão
fitas coloridas
Execução: enrolar o algodão ao redor do cabide, envolvendo-o inteiramente, de nmodo a acolchoá-lo, deixando-se descobertos somente os ganchos.Depois faz-se uma tira em crochê, de comprimento igual ao do cabide, iniciando-se com 10 corr e trabalhando a 1ª carr em ponto baixo.Na 2ª carr fazem-se 2 pb em cada pt de base, dobrando assim o número de pontos.Continua-se nos 20 pts sempre em ponto baixo até ter o comprimento do cabide.No fim, diminuem-se 10 pts numa carreira e faz-se a última carreira em ponto baixo.Cobre-se o cabide com este crochê, juntando as duas margens com uma correntinha, laç, puxar o ponto e com outra laç rematar os pontos.Para o acabamento, pode-se envolver o gancho com a fitinha fixada na base com um laço ou florzinha.

Liseuse rosa e lilás

Para quem não sabe, liseuse é o nosso querido bolerinho.
Material:
1 novelo de lã lilás escuro
2 novelos de lã lilás mais claro
4 novelos de lã rosa
fitas lilás e ros
ag de tricô nº 2, 2 1/2 e 3
ag de crochê nº 3
Tamanho: 42

Execução:
A liseuse se compõe de 2 partes iguais.
Começa-se o trabalho pelo punho.
Com a lã lilás escura, montam-se 110 p nas ag nº 2.
Trabalhar *1m, 1t* durante 12cm(62 carr).
Passar para a ag nº 2 1/2 , dobrando o número de pontos (220 pts).
Trabalhar *2m, 2t* durante 14 cm (62 carr), trocar para as ag nº 3  e aumentar 1p a cada 2pts (3m,3t).
Trabalhar durante 16 cm (62 carr) na cor rosa.
Rematar os pontos de maneira frouxa.
Fazer a outra parte igual.
Remates - Fechar cada uma das partes com uma costura, do punho até a outra extremidade.Com a ag de crochê e lã cor de rosa fazer : meio ponto alto, tr, pular 1 p de base, e depois 1 pa.
Unir as 2 partes, dispondo-as de modo que as costuras fiquem abaixo do braço, no avesso, unir as 2 partes nas costas a uma altura de 32 cm.Para fazer esta união, usa-se uma agulha de crochê e faz-se: *1pb, 1 tr,1pb*.
Cortar as fitas ao meio e prender 2 lacinhos, um lilás e outro cor de rosa, na frente, a 26 cm, na altura da união das costas e depois outro lacinho a 15 cm do primeiro.

Ponto Manto de Nossa Senhora

1ªcarr.: toda em meia
2ªcarr.: 1t,* laç,6m,3jm,6m,laç,1t*
3ª, 5ª, 7ª, 9ª e 11ªcarr.: toda em meia
4ªcarr.: 2t,*laç,5m,3jm,5m,laç,3t*
6ªcarr.: 3t*laç,4m,3jm,4m,laç,5t*
8ªcarr.: 4t*laç,3m3jm,laç,7t*
10ªcarr.: 5t,*laç,2m, 3jm,2m,laç,9t*
Voltar à 2ªcarr e continuar a receita

Sapatinho cara de gato Carine

Ponha na agulha nº3 64 pts e teça somente em tricô 9 cordões, ou seja, 18 carreiras.
No 10º cordão tricote as malhas, dividindo para o peito do pé com 14 pts; ficam 25 para cada lado.
Para fazê-lo, trabalhe sempre as mesmas, pegando juntas as últimas malhas, com um dos lados.
Quando restarem de cada lado 16 malhas, complete a carreira e faça o passa-fitas (2pj, laç,sempre), ficando para a perna 45 malhas que se tecem no direito tricô e no avesso meia
.Quando tiver 16 carreiras, arremate.
Para cada orelhinha  ponha 7 malhas, no 3º cordão(6 carr) de tricô, comece os arremates de um só lado; quando restarem 3 malhas arremate todas juntas.

04/12/11

18 de set de 2011

Energias positivas e negativas

Atos que geram energias positivas ou negativas

Recebi de uma amiga e repasso para que sempre possamos melhorar a nossa vida:

1. Pensamentos obsessivos
 Pensar gasta energia, e todos nós sabemos disso. Ficar remoendo um problema cansa mais do que um dia inteiro de trabalho físico. Quem não tem domínio sobre seus pensamentos - mal comum ao homem ocidental, torna-se escravo da mente e acaba gastando a energia que poderia ser convertida em atitudes concretas, além de alimentar ainda mais os conflitos. Não basta estar atento ao volume de pensamentos, é preciso prestar atenção à qualidade deles. Pensamentos positivos, éticos e elevados podem recarregar as energias, enquanto o pessimismo consome energia e atrai mais negatividade para nossas vidas.

2. Sentimentos tóxicos -
Choques emocionais e raiva intensa também esgotam as energias, assim como ressentimentos e mágoas nutridos durante anos seguidos. Não é à toa que muitas pessoas ficam estagnadas e não são prósperas. Isso acontece quando a energia que alimenta o prazer, o sucesso e a felicidade é gasta na manutenção de sentimentos negativos. Medo e culpa também gastam energia, e a ansiedade descompassa a vida. Por outro lado, os sentimentos positivos, como a amizade, o amor, a confiança, o desprendimento, a solidariedade, a auto-estima, a alegria e o bom-humor recarregam as energia e dão força para empreender nossos projetos e superar os obstáculos.

3. Maus hábitos, falta de cuidado com o corpo -
 Descanso, boa alimentação, hábitos saudáveis, exercícios físicos e o lazer são sempre colocados em segundo plano. A rotina corrida e a competitividade fazem com que haja negligência em relação a aspectos básicos para a manutenção da saúde energética.

4. Fugir do presente -
 As energias são colocadas onde a atenção é focada. O homem tem a tendência de achar que no passado as coisas eram mais fáceis: “bons tempos aqueles!”, costumam dizer. Tanto os saudosistas, que se apegam às lembranças do passado, quanto aqueles que não conseguem esquecer os traumas, colocam suas energias no passado. Por outro lado, os sonhadores ou as pessoas que vivem esperando pelo futuro, depositando nele sua felicidade e realização, deixam pouca ou nenhuma energia no presente. E é apenas no presente que podemos construir nossas vidas.

5. Falta de perdão -
 Perdoar significa soltar ressentimentos, mágoas e culpas. Libertar o que aconteceu e olhar para frente. Quanto mais perdoamos, menos bagagem interior carregamos, gastando menos energia ao alimentar as feridas do passado. Mais do que uma regra religiosa, o perdão é uma atitude inteligente daquele que busca viver bem e quer seus caminhos livres, abertos para a felicidade. Quem não sabe perdoar os outros e si mesmo, fica ”energeticamente obeso”, carregando fardos passados.

6. Mentira pessoal -
 Todos mentem ao longo da vida, mas para sustentar as mentiras muita energia é gasta. Somos educados para desempenhar papéis e não para sermos nós mesmos: a mocinha boazinha, o machão, a vítima, a mãe extremosa, o corajoso, o pai enérgico, o mártir e o intelectual. Quando somos nós mesmos, a vida flui e tudo acontece com pouquíssimo esforço.

7. Viver a vida do outro -
 Ninguém vive só e, por meio dos relacionamentos interpessoais, evoluímos e nos realizamos, mas é preciso ter noção de limites e saber amadurecer também nossa individualidade. Esse equilíbrio nos resguarda energeticamente e nos recarrega. Quem cuida da vida do outro, sofrendo seus problemas e interferindo mais do que é recomendável, acaba não tendo energia para construir sua própria vida. O único prêmio, nesse caso, é a frustração.

8. Bagunça e projetos inacabados -
A bagunça afeta muito as pessoas, causando confusão mental e emocional. Um truque legal quando a vida anda confusa é arrumar a casa, os armários, gavetas, a bolsa e os documentos, além de fazer uma faxina no que está sujo. À medida em que ordenamos e limpamos os objetos, também colocamos em ordem nossa mente e coração. Pode não resolver o problema, mas dá alívio. Não terminar as tarefas é outro “escape” de energia. Todas as vezes que você vê, por exemplo, aquele trabalho que não concluiu, ele lhe “diz” inconscientemente: “você não me terminou! Você não me terminou!” Isso gasta uma energia tremenda. Ou você a termina ou livre-se dela e assuma que não vai concluir o trabalho. O importante é tomar uma atitude. O desenvolvimento do auto-conhecimento, da disciplina e da terminação farão com que você não invista em projetos que não serão concluídos e que apenas consumirão seu tempo e energia.

9. Afastamento da natureza -
A natureza, nossa maior fonte de alimento energético, também nos limpa das energias estáticas e desarmoniosas. O homem moderno, que habita e trabalha em locais muitas vezes doentios e desequilibrados, vê-se privado dessa fonte maravilhosa de energia. A competitividade, o individualismo e o estresse das grandes cidades agravam esse quadro e favorecem o vampirismo energético, onde todos sugam e são sugados em suas energias vitais.

19 de jun de 2011

Manta Pietra

Material:
2 novelos de linha Carla corrente ou similar
agulhas para tricô nº 3

Dimensões: 60 cm de lado sem as franjas

Tensão do ponto: 15pontos x 18 carreiras = um quadrado de 5cm medidos sobre o ponto padrão

Ponto padrão:
Trabalhado sobre um nº múltiplo de 12 + 1

1ªcarr.: 1m,*laç,4m,diminuição dupla,4m,laç, 1m,rep de * até o fim
2ªcarr e alternadas: em tricô
3ªcarr.: 1m,*1m,laç,3m,diminuição dupla,3m,laç,2m,rep de * até o fim
5ªcarr.: 1m,*2m,laç,2m,diminuição dupla,2m,laç,3m,rep de * até o fim
7ªcarr.: 1m,*3m,laç,1m,diminuição dupla,1m,laç,4m,rep de * até o fim
9ªcarr.: 1m,*4m,laç,diminuição dupla,laç,5m,rep de * até o fim
10ªcarr.: em t
Estas 10 carr formam o ponto padrão
Rep sempre da 1ª à 10ª carr.

Execução:
Monte 187 p e trab em ponto meia por 4 carr
5ªcarr.: (direito do trab): 3m, 181 pts na 1ªcarr do ponto padrão,3m
Continue trabalhando os 181 pts centrais em pt padrão e os restantes 3p de cada lado em ponto meia até obter 59 cm desde o início.
Faça mais 4 carr em ponto meia.
Arremate.

Montagem e arremate:
Faça uma carr de ponto baixo(crochê) em toda a volta da peça.
Carr seg.: *3corr, pule 1pb, 1pb no seg pb; rep de * à volta toda, pbx no ponto seguinte.
Arremate.
Faça franjas nas alças de correntinhas.
19/06/2011

5 de jun de 2011

Cachecol rendado

Material:
~ 280 g de linha (pode ser Carla corrente ou linha mercerizada & esterlina nº 5 ou similar)
ag para tricô nº 3
Dimensões: 45 cm de largura x 140 cm de comprimento

Tensão do ponto: 15p x 20 carr = 5x5cm no ponto padrão

Ponto padrão:
Trabalhado sobre um número de pontos múltiplo de 12 + 1

1 ªcarr.: 2jm,4m,*laç,1m,laç,4m,3jm,4m; rep de * até os últimos 7pts,laç,1m,laç,4m,mate simples.
2ª e pares: em t
3ª carr.: 2jm,3m,laç,*3m,laç,3m,3jm,3m,laç; rep de * até os últimos 8 pts, 3m,laç,3m,mate simples.
5ª carr.: 2jm,2m,laç,1m; rep de * até os últ 8pts, 4m,laç,2m,mate simples.
7ª carr.: 2jm,1m,laç,2m,*5m,laç,1m,3jm,1m,laç,2m; rep de * até os últ 8 pts, 5m, laç,1m,mate simples.
9ª carr.; 2jm,laç,3m,*6m, laç,3jm,laç,3m; rep de * até os últ 8pts,6m,laç,mate simples.
11ª carr.: 1m, laç, 3m,*1m, 3jm,4m,laç,1m,laç,3m; rep de * até os últ 9 t,1m,3jm,4m,laç, 1m.
13ª carr.: 2m, laç,2m, *1m, 3jm,3m,laç,3m,laç,2m; rep de * até os últ 9 pts, 1m,3jm,3m, laç,2m.
15ª carr.; 3m,laç, 1m, *1m, 3jm,2m,laç, 5m,laç,1m; rep de * até os últ 9 pts, 1m, 3jm, 2m,laç,3m.
17ª carr.: 4m, laç,*1m, 3jm,1m,laç,7m,laç,rep de * até os últ 9 pts, 1m, 3jm, 1m, laç, 4m.
19ª carr.: 5m,*laç,3jm,laç,9m; rep de * até os últ 8 pts, laç,3jm,laç,5m
20ª carr.: t
Estas 20 carreiras formam o ponto padrão.Repetir sempre da 1ª à 20ª carr.

Execução:
Montar 126 pts e trab em cordões de tricô por 8cm.
Carr seg.: ( direito do trabalho): 20 pts em cordões de tricô, 85pts na 1ªcarr do ponto padrão, 20 pontos em ponto tricô.
Continue trabalhando os 85 pts centrais em ponto padrão e os restantes 20 pts de cada lado em cordões de tricô até obter 132 cm desde o início.
Fazer mais 8cm em cordões de tricô com todos os pontos.
Arremate.

3 de abr de 2011

Curiosidades

Comemorações de casados ano a ano:
1 ano - bodas de algodão
2 anos - bodas de papel
3 anos - bodas de couro
5 anos - bodas de madeira

7 anos - bodas de lã
10 anos - bodas de estanho
12 anos - bodas de seda
15 anos- bodas de porcelana
20 anos - bodas de cristal

25 anos - bodas de prata

30 anos - bodas de pérola
35 anos - bodas de coral
40 anos - bodas de esmeralda
45 anos - bodas de rubi
50 anos - bodas de ouro
60 anos - bodas de diamante


 


 


 
















1 ano - bodas de algodão





1 ano - bodas de algodão




 

19 de mar de 2011

Casaquinho Pâmela

Tamanho: RN/3 meses
Material utilizado:
ag 2
8 novelos de lã antialérgica
4 botões
1,5m de fita de cetim de 0,5cm de largura

Pontos utilizados:
ponto alto
ponto baixo
ponto fantasia(ponto floco, ponto sanfona)

Ponto Floco:
1ªcarr.: toda em pa
2ªcarr.: enrole o fio no dedo indicador das mão direita; faça um ponto baixo com o fio que fica à esquerda; repita este processo até o final da carreira.
3ªcarr.: e todas as ímpares, faça o ponto alto
4ªcarr.: e todas as pares, faça igual à 2ª carr.

Costas: Barra sanfonada:
7 pontos por 52 carreiras;distribuir 53 pa sobre a barra
Ponto fantasia até a 24ª carr
26ª carr.: arremate os 21 p centrais
Gola: faça os dois lados com 16 pa de cada lado e ponto flocos

Frente:
Faça 2 vezes (lado A e lado B) barra sanfonada por 24 carr
1ª carr.: distribuir 26 pa sobre a barra sanfonada
2ª carr.: pb enrolado no dedo
3ª carr.: até a 22ª carr.
Seguir 1ª e 2ª carr

Gola da frente:
23ª carr.: arremate 6 pontos (lado de dentro)
24ª carr.: ponto floco
25ªcarr.: arremate 2 p
26ª carr.: ponto floco

Mangas: barra sanfonada: 7 pontos por 28 carr
1ª carr.: distribuir 35 pa
2ªcarr e todas as pares: pb (enrolar no dedo)
3ªcarr.: aumentar 1 ponto de cada lado
5ªcarr.: aumentar 1 ponto de cada lado
7ªcarr.: aumentar 1 ponto de cada lado
9ªcarr.: aumentar 1 ponto de cada lado
11ªcarr.: aumentar 1 ponto de cada lado
13ªcarr.: aumentar 1 ponto de cada lado

Gorro:
barra sanfonada : 5 pontos por 82 carr
Fazer 10 carr de ponto fantasia (total 20 carr)

Montagem:
Costure os lados, os ombros.
Coloque as mangas e o gorro.
Faça 4 carr de ponto baixo nas bordas da frente, distribuindo 4 casas no lado direito da frente.
19/03/2011